segunda-feira, fevereiro 12, 2007

Morgadio da Calçada 2004

Breve apresentação retirada do site:"Os vinhos Morgadio da Calçada são o resultado da parceria da família Vilas Boas e da Niepoort. Para Dirk Niepoort que tem um fascínio pelas vinhas de Provezende esta parceria permite explorar a criação de nova linha de vinhos DOURO e Porto."
Não tirando qualquer valor ao vinho, apetece-me dizer que gostei muito do rótulo. O autor é o arquitecto Siza Vieira. Quem trabalhou as uvas foi Dirk Niepoort. Mais um projecto em que se mete, que dá uma mãozinha. Este Douro provado recentemente mostrou um perfil moderno, que recordou grosseiramente o novo Redoma 2004 (pelo menos nos aromas).
Este Morgadio tinto apresentou-se sem arestas e pensado para agradar. De empatia quase imediata. O target de consumidores é alargado. Libertava cheiros a rebuçados de caramelo. A baunilha adocicava a compota, dando um toque mais exótico. O chocolate, o cacau, andava sempre por ali. Presença quase constante no desenrolar da prova. Mexedela a mais, mexedela a menos, estímulos terrosos perfumados por lavanda, menta e alfazema aliviavam o lado mais doce da pinga. Na boca, um pouco mais robusto, menos internacional, um tudo nada mais austero. Para mim, ainda bem. No entanto, pareceu-me que a acidez e os taninos ainda gritavam um pouco alto.
Não sendo um vinho para grandes estrondos, acredito que possa melhorar um pouco mais se o deixarmos dormir uns meses na garrafa. É mais uma opção vinda do Douro. Nota Pessoal: 15

3 comentários:

Luis Marques disse...

Fiquei curioso com o vinho. Onde o posso encontrar? Parece-me ser mais barato que o Garrafeira da Herdade do Meio, logo mais tangível.

Chapim disse...

Caro luis marques, pelo menos no Gourmet do El Corte Inglês conseguirá encontrá-lo. Acho que na Vinho e Coisas também conseguirá encontrar. O tinto anda pelos 12,5 € e o branco (experimente que é um belo branco duriense) anda pelos 10.

Boas provas!

Blacko disse...

No que toca ao Branco, concordo em absoluto com o Chapim, trata-se de um excelente branco.

Acaba de ser premiado com 90 ponta na WS .
Custou-me 10.25 € na Garrafeira de Almada.

Saudações enófilas