sábado, Novembro 15, 2008

COOP Tazem (Dão) Grande Escolha 2004

Será, eventualmente, o topo desta Cooperativa. O motivo, para além de tentar melhorar o portefólio deste produtor, serviu para celebrar os 50 anos de existência da Adega. Poderá ser considerado, de forma grosseira, um cinquentenário na linha dos que têm sido saído de outras Adegas Cooperativas.
É um tinto do o, construído com a partir de uma mistura entre a Touriga Nacional, Jaen e Tinta Roriz. E os cheiros? Um ataque inicial caracterizado pelo químico, com o alcatrão e carvão a marcarem compasso. Pessoalmente não deixou de ser curioso esta forma de apresentar-se. Não era/é um modo habitual. Caminhando na descrição, os aromas, a dada altura, quebraram aquele impacto e apareceram sensações a terra húmida, escura e revolta, com algumas resinas e bálsamos à mistura. Um pouco de vegetal molhado.
A fruta, para não destoar do resto da trupe, era preta, negra. Na recta final, em jeito de consolação, o vinho libertou um pouco de flores que combinaram com fumos e cacau (amargo).
O sabor conseguiu mostrar frescura, revelando surpreendente suavidade. Resinoso, químico e balsâmico. O final indiciava qualquer coisa de amargo e seco.
Um conjunto algo carregado, a precisar de mais descanso. Foi pena a presença sistemática de sabores e aromas químicos.
Percebia-se que ideia era fazer um tinto com presença
, intenso, mas (se calhar) não era preciso tanto. Voltarei a ele mais tarde. Nota Pessoal: 14,5

Sem comentários: