sexta-feira, junho 06, 2014

Clos Champ Bernard: O Quê?

Na minha aventura pseudo enófila-wine blogueira, ou coisa que o valha, dou comigo, mas só comigo, a pensar nas vantagens que poderão existir ao falar de vinhos virtualmente desconhecidos da maior parte dos consumidores, pelas mais variadas razões: falta de interesse, de conhecimento, de capacidade financeira, de tudo e mais alguma coisa. É tema recorrente e irá continuar a sê-lo.



E descontando os tamanhos dos egos, pois cada um tem o seu à sua medida, começo a pensar que tais tarefas são, quase sempre, meros actos de auto-satisfação, porque, a maior parte das vezes, apenas se ouve do outro lado: o quê?
Parece-me, apesar de normal e humano, que em tudo isto há apenas gabanço de um lado e vouyerismo do outro. E é só. Por isso, até ao próximo acto de qualquer coisa do género.

5 comentários:

Rui Lourenço Pereira disse...

Tenho umas quantas destas, compradas bem em conta.

Anónimo disse...

O que????? Alguém que não se fica pelo o que???? E até tem este vinho??? O QUEEEEE?????

Mirabylis disse...

Começo a perceber porque anda de mão dada com uma personagem que não percebe muito de vinho, mas percebe de rótulos e está ligado a uma grande produtora de... papel higiénico.... Com tanta bosta que lhe sai pelo teclado há que ter como limpá-la rapidamente

Anónimo disse...

Um conselho Rui...acho que deverás pensar em fazer moderação no blog...ou seja, receber os comentários e publica-los ou não...tira a dignidade ao blog...

Anónimo disse...

Concordo plenamente com o colega anônimo acima. Você deveria excluir comentários maldosos e de baixo nível. Não é censura - É apenas um direito seu. Liberdade de expressão tem limites.