terça-feira, setembro 27, 2016

Nop! Não é para mim ...

Eu tentei. Acreditem. Tentei mais que uma vez. Foram várias as vezes que tentei mudar de opinião, mas em todas as vezes fiquei sempre com a mesma ideia, com a mesma conclusão. Não, não é para mim. Não dá mesmo. Podem-me dizer que é isto e aquilo. Que é feito desta ou daquela maneira. Não dá! Não é para mim. 



É por esta e por outras que cada vez menos entendo a coisa e admiro quem a entende. Vejo uma porrada de malta a dizer que sim e eu do outro lado a dizer que não. Ora bolas. Eles estão errados! Só pode. E após esta tirada, é tempo de regressar ao isolamento da toca. Quem quiser que me chame. Até à próxima. 

Sem comentários: