quinta-feira, Dezembro 22, 2011

FMA Bual 1964

Sorte! Destino, quiçá. Caiu pelo goto, mais uma vez, este Madeira de 1964. Vinho cheio de predicados. Líquido que todos os homens deveriam beber. Complexo, complicado, cativante e cativador. Perfeito para amaciar a alma, o corpo, a raiva.


Faz-nos pensar e ver que talvez exista mais qualquer coisa para além do trivial, do comum, do habitual. Ao invés de desejar Feliz Natal, proponho que tenhamos uma Saúde pujante, com boa acidez e boa estrutura. Capaz de aguentar todas as agruras.

3 comentários:

Hugo Mendes disse...

ambém a forte convicção de que as boas coisas precisam de entre muito e muito, muito tempo para se fazerem!
também eu estou cada vez mais fã de um bom madeira!
Forte abraço!
HM

Fisiopraxis disse...

E Parabéns ao Sr Gonçalves, mais uma vez em grande.

Pingus Vinicus disse...

E que para o ano abra outra.

E um abraço ao Fisio e ao Hugo.