segunda-feira, janeiro 16, 2017

Cheers!

Celebrei. Celebrei as minhas loucuras. Comemorei as minhas desilusões, os meus falhanços. Festejei tudo de mal que fiz até ao presente. Exaltei todos os disparates que cometi.


Brindei e muito. Brindei aos meus defeitos. Enalteci os meus arrependimentos e desejei longa vida às imperfeições e às asneiras que ainda hão-de vir. 


E quando se sonelizam tamanhos actos, há que escolher a melhor companhia. E ela portou-se à altura da cerimónia. Foi mais que perfeita. 

Sem comentários: