sexta-feira, fevereiro 23, 2018

Quando Provamos isso?

Assim de repente têm surgido nas redes sociais, principalmente em locais de discussão sobre o vinho, um conjunto de expressões que parecem ter pegado. Podemos dizer que poderão tornar-se numa moda ou numa nova abordagem ao tema. Há que inovar. 
Não são raras as vezes que vejo tiradas do tipo quando provamos isso? ou nunca provei isso? ou ainda quando posso provar isso? ou não conheço isso! Às vezes, também reparo em a ver se combinamos uma prova! ou não te esqueças de levar isso ou aquilo que te disse! Também reparo em liguei-te!. Nada de estranho, se as trocas de bocas acontecessem entre malta anónima, que desafia o amigo ou o conhecido para uma patuscada e para beber uns copos.


Na realidade, estas expressões aparecem com alguma frequência para chamar a atenção de um produtor ou enólogo ou director comercial de um produtor, quando estes metem uma imagem de um vinho, de preferência novidade, ou quando ganham um determinado prémio. Também surgem as ditas manifestações, quando o desinteressado e apaixonado consumidor mete uma foto de um vinho.
Para se ter a certeza que reparam no que se está a dizer, os mesmos produtores, enólogos ou directores comerciais são notificados publicamente, como medida preventiva. Evita-se que o pedido ou desafio caia em saco-roto. É também uma forma de mostrar ao mundo que se tem bastas e profícuas relações, com quem faz o vinho nosso de cada dia. Registo, muitas vezes, que as respostas são, apesar de cordiais, pouco efusivas, por parte de tais responsáveis. 

Sem comentários: