domingo, fevereiro 03, 2019

Quinta dos Roques Encruzado

Falar deste vinho é repetir a mesma nota musical. A mesma ladainha. Este vinho branco é incontornável, para conhecermos melhor o Dão e este produtor. Foi, apraz dizer, dos pioneiros na região a apostar no engarrafamento estreme da casta encruzado. Além do mais, é um verdadeiro porta-estandarte da região.



Ao longo das colheitas, a presença da madeira tem vindo a diminuir, alinhando pelas tendências actuais. Tem, por isso, cada vez mais frescura, mais limpidez. Mantém o carácter e a personalidade que sempre possuiu. Depois, ganha, e bastante, com o tempo. O tempo, se tivermos tempo, só vai ajudar a catapultá-lo para outras dimensões. Se não tiver tempo, beba-o já.

Sem comentários: