domingo, março 03, 2013

Comida e Vinhos ou Vinhos e Comida

Bem gostaria dizer qualquer coisa, e mesmo esfregando as mãos de forma frenética em movimentos descoordenados, não sai nada de jeito do debilitado emaranhado cerebral que ainda possuo. E como tal, não quero, não apetece prosar muitas tolices sobre vinhos, comida ou similares. É domingo e a malta ainda está a recuperar dos exageros da longa noite que costuma pegar o sábado ao domingo. Ainda assim aplaudo quem consegue martelar sempre da mesma forma. É obra e é (de) mérito.

Tábua com queijos.
Focaccia: Uma guloseima impecável.
Enchidos: trincar e trincar e voltar a trincar. Repetir sempre!
Um vinho de mesa: Uma garrafa com o Alentejo e o Douro lá dentro. Muito Bom e que não conhecia. 
Vieiras: Há muito que não comia. Um vicio.
Doce de abóbora, chévre, pasta de azeitona e tosta e muitas histórias em redor deste petisco.
Petisco Português: Moelas que estiveram acompanhadas com umas lascas de peito de frango assado no forno com ervas.
Ferreirinha Reserva Especial 1997: Vinho elegante, complexo e fino. Grande!
Crumble de maçã: Muito bem feito.
Bolo de chocolate: Um pecado! Espesso e denso.
A conclusão com um Moscatel Roxo by JMF: Escuso de tecer grandes comentários: fresco,  elegante, perfumado. E ufa, cheguei ao fim!
Os autores de tal chorrilho de acepipes, de petiscos, de guloseimas e similares,  foram simplesmente o Nuno e a Ema. Os miúdos revelaram ter jeito para a coisa. É que satisfazer plenamente uma figura alucinada e tola, como eu, não está ao alcance de todos. Só uma pequena elite o consegue. 

7 comentários:

L. disse...

***ler muita imprecações aqui*** drool mode on

Pingus Vinicus disse...

Estimado L. adoro fazer imprecações. É vicio que não consigo largar ;)

sinnercitizen disse...

as vossas noites de sábado, são mais interessantes que as minhas... Vieiras? é pecado que nem posso sonhar com elas, fico logo em pulgas...

Flavio Henrique disse...

Caríssimo,
Mais uma belíssima postagem! Ferreirinha Reserva Especial 1997... Um dos vinhos que mais me agradaram até hoje da Casa Ferreirinha - Quanta elegância!
Abraços,
Flavio

Pingus Vinicus disse...

Flávio, de facto o Reserva Especial 1997, revelou ser um vinho muito grande. De uma elegânica e complexidade enormes.
E mais uma vez, obrigado pelas suas palavras.
Abraço

Anónimo disse...

In the past, I considered you a friend. A reference.
Now, not only you accepted wine samples, but also speak well of them. Even if not worth anything. Man Sold!
Then, playing with the grief of those who could not be in this dinner is an pure act of villainy.
you are bad! Very bad!

O mundo de Baco disse...

E o que vc. achou do PL RL, e a ideia de fazer a degustação as cegas. Acho esta ideia muito interessante pois demonstra que a maioria das pessoas descrevem e acham que sabem tudo sobre vinhos mais, ao não terem conhecimento dos rotulos os analizam de forma diferente